Erro
  • JUser: :_load: Não foi possível carregar o utilizador com o ID: 43

Acolhimento jovens em procura

"A aventura com Deus é algo que te fascina e que fica impresso para sempre dentro de ti, também porque Deus não chama apenas uma vez, chama todos os momentos do dia e enquanto te chama te renova, faz-te novo. A tua tristeza transforma-se em alegria, o teu fracasso transforma-se em força, o teu pecado transforma-se em misericórdia. Não se pode oferecer resistência a esse Deus que te cria e recria, e ai de mim se não me deixo transformar e sou a mesma de ontem”

Madre Elvira

UMA EXPERIÊNCIA DE VIDA NA "ESCOLA DOS POBRES"

Muitos jovens, mesmo não tendo vivido experiências dramáticas de marginalização ou de vícios, pedem para viver um tempo na comunidade, um tempo de experiência, para encontrar o sentido da vida, a paz no coração e a alegria de viver, para ver claramente a vontade de Deus para as suas vida, aprender a amar e a servir. Na proposta da comunidade veem uma via autêntica e exigente que pode ajudar a dar sentido à sua história, que muitas vezes é confusa e vazia, e que pode ajudá-los dando clareza às suas escolhas importantes no futuro. Propomos-lhes um caminho para conhecer o nosso estilo da vida, e depois para quem o desejar, um tempo de pelo menos 40 dias de vida na comunidade, que permite “entrar” em si mesmos para viver uma experiência de vida autêntica e não apenas sentimental ou superficial.

Outros jovens sentem-se atraídos pelo carisma da Comunidade e sentem um impulso interior para um caminho de Consagração ao Senhor nessa realidade. Pedimos-lhes uma confirmação concreta no “terreno”; um período mínimo de pelo menos seis meses de partilha de vida numa Fraternidade nossa. Acreditamos que “a escola dos pobres” seja o melhor discernimento vocacional para confirmar o chamado do Senhor no nosso carisma. No período de “experiência” a pessoa acolhida participa plenamente vivendo em fraternidade, sem “fugas”,” descontos” os “atalhos”: dos momentos de oração junto, da revisão da vida e o trabalho. Acreditamos que esta é uma forma leal de se colocar na escuta de Deus: um dia cheio de sacrifício e oração, que se concretiza numa “escola de vida” exigente que ajuda a pessoa a encontrar o Senhor na sua própria história concreta, em comunhão fraterna que não permite “fugas” de si mesmo, mas que ajuda a “olhar por dentro” a verdade e a deixar-se ajudar pelos que vivem conosco.

Se tens essa coragem… te esperamos com alegria!

Vem e vê!