Do coração da Comunidade: reconhecem a presença do Espírito Santo

Nestes anos de história da Comunidade, aprendemos a reconhecer sua presença e o "timbre" de Sua voz. O Espírito Santo em nossos dias é:

VERDADE: É ele quem ilumina nossa consciência com sua luz da verdade, libertando-a da névoa do pecado e tornando-a capaz de "captar" sua voz, de ver nossa vida claramente de dentro com um olhar sincero que se arrepende.08

HARMONIA E PAZ: O Espírito Santo entra no mundo de nossa história tão ferido e confuso, tão caótico, desordenado e desorientado e restaura a ordem e a harmonia, ensinando-nos a acolher e ver o passado com serenidade sob uma nova luz. É Ele quem nos faz sentir finalmente em paz conosco.

PROVIDÊNCIA: Quando você vê que as situações que acontecem são a resposta para as suas perguntas internas, as necessidades materiais e espirituais da vida da Comunidade, quando as coisas que pareciam "erradas" se ajustam no último momento; é Ele quem passa e "vira" para o bem, os transforma e os arruma, possibilitando o que somente com nossos esforços humanos era impossível.

PACIÊNCIA: Quando ele pede que saibamos esperar os momentos certos de Deus em confiança, para que "aconteça" o momento favorável de falar com um irmão, encontrar o caminho do perdão e da reconciliação, esclarecer uma situação, responder a um desejo que nasceu para você no bem. Às vezes forçamos situações com força, gerando tensões e ferimentos, queremos resolvê-las imediatamente. Com paciência e confiança, ele os leva a um amadurecimento e solução pacíficos e nos pede para saber como amadurecer o tempo de espera na fé.

p02CONFIANÇA: Porque o Espírito Santo está vivo e nos quer vivos, acordados, sem dormir na fé. Ele é a fantasia de Deus que sempre gera belas surpresas: momentos inesperados, mudanças bruscas no programa, coisas que não saem como se pensava ... mesmo que no momento você não entenda o porquê, confiando e acolhendo na fé os eventos da vida, depois veja que alguém os guiou de cima. O Espírito obriga a ser aberto, a não "enquadrar" pessoas e projetos em um esquema estreito e rígido demais. Madre Elvira sempre nos diz que, em tudo que planejamos e decidimos, devemos sempre deixar a porta aberta para que ele possa confirmar, mudar ou explodir o que decidimos.

SURPRESA E ALEGRIA: Ao ver as novidades e mudanças que ele gera na vida daquela irmã, daquele irmão, em mim, na vida da própria Comunidade. Ele gera espanto e alegria naqueles que reconhecem uma presença maior do que nós que trabalhamos nos eventos de nossa vida. O Espírito Santo insta nossa vida a um movimento contínuo, a um crescimento diário na jornada da fé, abrindo novas portas, novos caminhos e novos horizontes não calculados e não programados. Quantas vezes testemunhamos isso na vida de Comunidade Cenacolo: quem teria pensado, planejado, calculado o que aconteceu em nossa história nesses trinta e sete anos?

AMIZADE: Quando você sente isso ajuda a combater o orgulho que quer ganhar dentro de você. É Ele quem empurra você, fazendo sua consciência gritar, movendo-se para pedir desculpas primeiro, e quem lhe dá forças para viver o silêncio, para se calar nas provocações, fazendo você amadurecer uma paz profunda mais forte do que suas razões. É Ele quem ilumina você em sua experiência através da voz amigável dos irmãos que o corrigem e o ajudam a crescer cada vez mais em seu novo homem, e é ele quem o torna capaz de ajudar, elevar e incentivar o caminho daqueles que estão ao seu lado. para você, dando as palavras certas que tocam seu coração.p04

DICA: Ele é o amigo a quem pedimos "bons conselhos" para não cometer erros. Quantas vezes, pedindo "um raio de Sua Luz", somos iluminados sobre as pequenas e grandes decisões a serem tomadas através das pessoas ao nosso redor. Quantas vezes Ele nos responde nas situações da vida que acontecem.

CONSOLAÇÃO: Nos momentos difíceis, da cruz, do cansaço e da dor, é ele quem nos consola! Não tira nosso sofrimento, mas ajuda-nos a trazê-lo com fé, revelando-nos o profundo significado do que estamos experimentando. Isso nos leva a atravessar, a abraçar e a nos deixar abraçar pela cruz sem fugir ou recusá-la. Com ele, a amarga cruz se torna "doce" porque é realizada em conjunto, porque há um depois, um depois, há o consolo de saber que o ressuscitado venceu por nós e vence em nós.

Essas são apenas algumas características de como o Espírito Santo trabalha em nossa vida. Poderíamos continuar falando sobre ele para páginas e páginas, mas temos certeza de que, na história de cada um de vocês, ele está presente.
Contemplar sua presença nos dá um otimismo confiante e alegre, e abre nossos olhos para vê-lo vivo e ativo em nossas vidas diárias. Vem Espírito Santo, vem até nós para Maria!