Festa de Nossa Senhora em Lujan

No dia 08 de maio é o dia da festa de Nossa Senhora de Lujan, Argentina. Confiamos à Sua proteção e afeto materno a toda nossa Comunidade, especialmente as quatro fraternidades da Comunidade Cenacolo presentes na Argentina e grupos de pais.
Também trazemos uma breve história das aparições ...

QUANDO: Em 1632.
A QUEM: A um número indefinido de pessoas.

OS FATOS 

Lujan era o nome de um rio e de um povoado na época em que aconteceu a inesperada ocorrência.
Um imigrante português muito devoto de Nossa Senhora estava construindo, na região de Córdoba – Argentina, uma pequena Capela.
Esse pequeno santuário era em honra a Imaculada Conceição, e sua imagem foi encomendada junto a outro imigrante português, esse por sua vez morador no Brasil.FOTOS MIX ENTRADA 32
Como eram muitos amigos, foram enviadas duas imagens da Santíssima Virgem, a solicitada (da Imaculada Conceição) e da Mãe de Deus (Nossa Senhora com o Menino Jesus nos braços).Na viagem para entregá-las, em carroças, já no interior da Argentina, tiveram que parar para descansar nas terras da propriedade de um terceiro imigrante português, a poucos quilômetros do Vilarejo de Lujan. No dia seguinte ao tentarem retornar a viagem ocorreu o inusitado fato: Os bois, que até o dia anterior puxavam normalmente a carroça com os caixotes das imagens, agora negavam-se a andar! Os condutores açoitavam os animas com insistência, porém em vão, não se moviam dali. Retiravam as caixas e os bois andavam sem nenhum estímulo. Colocavam apenas uma, e eles já não se moviam, embora as embalagens fossem mais volumosas do que pesadas: peso desprezível para uma junta de bois. Substituíam a carga, retirando as imagens, e novamente os animais se colocavam em marcha sem serem fustigados. Como não havia jeito de prosseguir viagem, pelo comportamento dos bois, os responsáveis da caravana, já impressionados pelo que estava acontecendo, decidiram deixar as imagens na casa-sede daquela fazenda, que possuía uma pequena capela em seu interior. A partir daí a história espalhou-se e começaram a vir os devotos e curiosos para rezarem e conhecerem o local e as imagens.

Os milagres começaram a ocorrer e o proprietário das terras (Sr.Rozendo)decidiu construir ali uma capela para os romeiros de Nossa Senhora de Lujan. Depois de certo tempo, um sacerdote que estava muito doente movido pela fé, foi buscar conforto no abençoado local, e milagrosamente ficou totalmente curado. Como gratidão passou a morar junto a capela e atender os fiéis que cada vez chegavam em maior número.

Lujan, na Argentina, é atualmente um dos Santuários mais visitados do mundo.
No ano de 1763 uma imponente Igreja foi edificada.
Já no final do século XIX, em 1887, foi reconhecida, autorizada e abençoada como Basílica. Nossos dois vizinhos, Argentina e Uruguai, em 1930, passaram a ter em Nossa Senhora de Lujan, a Sua Padroieira.

O 6 de maio, Papa Francisco pediu a intercessão de Nossa Senhora de Luján, padroeira da Argentina, para superar as dificuldades causadas pela pandemia de coronavírus em todo o mundo. Por ocasião da Festa de Nossa Senhora de Luján, que ocorrerá em 8 de maio, o Santo Padre dedicou algumas palavras a Nossa Senhora na saudação aos fiéis de língua espanhola após a Audiência Geral desta quarta-feira:
“Depois de amanhã, 8 de maio, é celebrada na Argentina a festa de Nossa Senhora de Luján. Que ela, Mãe de Deus e Mãe nossa, interceda por nós e obtenha de seu Filho as graças necessárias neste momento difícil que o mundo atravessa”, foi seu pedido.
Em uma recente carta enviada ao arcebispo de Mercedes-Luján, Dom Jorge Scheinig, o Pontífice afirmou que, em 8 de maio, "estarei com vocês espiritualmente, como peregrino espiritual e 'virtual'".
Afirmou que olhará para Nossa Senhora de Luján “mais uma vez e, mais uma vez, deixarei que ela me olhe. O seu olhar é de fato um olhar que ‘renova’ e ‘dá força”.